(Foto:Divulgação/Globo)

(Foto:Divulgação/Globo)

Os próximos capítulos de “Império” prometem dar o que falar! Isso porque, Cora, sabendo que José Alfredo morreu (na verdade ele está forjando a própria morte), decidirá se esconder no cemitério para desenterrar o corpo do amado e dar um último beijo nele.

Nos roteiros entregues aos atores da trama, a atriz Drica Moraes terá de encenar uma dor devastadora. “Atenção, direção, isso não é comédia, é dramalhão desenfreado, tipo Maria Callas [cantora lírica] cantando a cena da loucura”, indicou  Aguinaldo Silva. Cora estará dando um depoimento a Téo Pereira quando um informante dele ligar para avisar da morte do comendador.

Não vai demorar muito até que a megera fique louca e surte no meio da rua após saber da noticia e sai correndo até a frente do restaurante de Vicente (Rafael Cardoso) na sequência. “Moooootoooooo!!!!!!”, gritará a vilã sem parar. “Dona Cora… Gritando como se tivesse fugido do hospício… Mas o que é que deu nela?”, dirá o chef.

Por conta de todo o barulho de Cora, Isis (Marina Ruy Barbosa) ficará sabendo que seu amante morreu. Antes de a sequência ir ao ar, o casal romperá o romance por conta de uma fofoca de Magnólia (Zezé Polessa). José Alfredo tentará reatar a relação, mas, magoada, a ruiva não cederá ao seu pedido de desculpa. A mãe da ninfeta inventará que ela engravidou de João Lucas (Daniel Rocha) e perdeu o bebê.

Ao saber da noticia, a ninfeta desmaiará. Quando recobrar a consciência, a recepcionista ainda ouvirá da megera: “Todas eram loucas por ele e ficamos viúvas”.

No enterro de José Alfredo, Cora, que estará se acabando em choro, ficará escondida para que não possa ser notada por ninguém. Ela ficará vestida como uma “viúva negra”, descreveu Aguinaldo Silva no roteiro.

“Não é justo. Ele se foi. Agora está lá, dentro de um caixão escuro para sempre… E eu não pude nem chegar perto! Mas se os coveiros disseram que não lacraram a tampa… Então, ainda não é tarde. Depois que tudo se acalmar, naquela hora em que o cemitério é propriedade só dos mortos, eu vou até lá, abro aquele caixão, olho pra ele pela última vez, chamo de ‘meu amor, ah, meu amor’, e dou um último beijo”, dirá a tia de Cristina para si mesma. Enquanto isso, dentro do caixão José Alfredo abrirá os olhos e entrará em pânico com falta de ar.

Mediante esse breve resumo, tudo indica que será ela quem salvará o comendador da morte dentro da cova. Josué (Roberto Birindelli), que ficará encarregado de tirar o comendador do caixão, vai atropelar Salvador (Paulo Vilhena) na última cena do capítulo. O telespectador ficará no suspense sem saber o que vai acontecer até a segunda-feira, dia 22.

padrao No ar no Masterchef, Ana Paula Padrão viaja à África para especial sobre o Ebola

Ana Paula Padrão num cemitério em Conacri, na África

Com coberturas em países como o Afeganistão no currículo e atualmente no ar no programa de culinária “Masterchef”, Ana Paula Padrão viajou esta semana para a África.

A jornalista está em Conacri, na Guiné, para gravar um longa reportagem sobre o vírus Ebola. De acordo com informações do jornalista Fernando Oliveira, do portal R7, o material será transformado em especial de fim de ano na Band.

No retorno ao Brasil, a apresentadora se prepara para a final do reality culinário, marcada para 16 de dezembro.

Foto:Reprodução

Foto:Reprodução

Desde que um suposto vídeo indiscreto vazou na internet, na qual aponta Viviane Araújo fazendo relações com um rapaz no meio da rua, a interprete de Naná não tem descansado e ido atrás de justiça para derrubar essa farsa. Mas ela já pode ficar despreocupada, porque a polícia, de acordo com o jornal “Extra”, descobriu o nome dos dois citados como responsáveis em espalhar o boato.

Segundo a publicação, o inquérito policial foi concluído e enviado para o Ministério Público. Já os nomes dos culpados em espalhar a polêmica de que seria a atriz de “Império” fazendo sexo numa rua de São Paulo são: o colunista Leo Dias, do jornal “O Dia”, e a assessora de imprensa Carolina Eller, que já teve como clientes outras mulheres do carnaval carioca.

A investigação aponta que os dois teriam se unido para espalhar o boato através da troca de mensagens a pessoas ligadas à atriz. A advogada de Viviane Araújo entra no início da semana que vem com uma queixa-crime contra os dois.

“No caso desse crime, o Ministério Público não oferece denúncia porque é uma ação privada. O MP vai dar apenas uma promoção dizendo que aguarde manifestação da querelante, no caso, a Viviane Araújo. E eu já vou entrar com a queixa-crime na semana que vem contra os envolvidos”, diz Regina Notini, advogada de Viviane.

Em entrevista ao Retratos, a musa lamentou o desfecho e ficou triste pelo Léo Dias, que segundo ela, sempre esteve à sua disposição:  “Graças a Deus tudo ficou esclarecido. Só lamento pelo Léo, que eu, sempre que solicitada por ele, estava com a maior boa vontade em atendê-lo”.

Mesmo com todas as investigações apontando Léo como responsável por espalhar a notícia, ele negou quando foi intimado a depor na Delegacia de Repressão a Crimes de Informática e afirmou que não conhece e não tem nenhuma relação com Carolina

Por outro lado, o advogado de Carolina Eller explicou que Carol apenas enviou o tal e-mail com o boato a pedido do amigo jornalista. Xii… nesse mato tem cachorro, heim?

“Eles são amigos. E minha cliente conta e comprova que tudo partiu dele. Saber por que ele quis fazer isso, a gente não sabe”, acusa o advogado Bruno Saccani.

Procurado pelo jornal “Extra”, o colunista Léo Dias disse que apenas fez seu trabalho de jornalista em informar a notícia. “Fiz o meu trabalho jornalístico. Noticiei inclusive que era uma sósia de Viviane Araújo. Acho que ela está querendo buscar culpados para uma história, e está querendo me culpar. Coitada, só tenho a lamentar”.

Não é de hoje que alguns colunistas especializados em fofoca de TV ficam com a imagem arranhada. Para quem não se lembra, a jornalista Fabíola Reipert, do portal R7, publicou uma nota que, nas entrelinhas, afirmava que o apresentador Zeca Camargo e o jogador Rai tinham um caso e foram morar juntos.

Por conta disso, a Justiça de São Paulo condenou a jornalista a indenizar em R$ 72,4 mil por dano moral o ex-jogador. Ainda de acordo com informações, também é réu no processo o jornal O Dia, que republicou as informações publicadas pela jornalista.

A notícia, é claro, gerou ampla repercussão na internet e passou a reproduzir o boato de suposto relacionamento homossexual entre os dois, que não gostaram nadinha disso.

Vamos aguardar cenas dos próximos capítulos.

'Dupla identidade' (Foto: TV Globo)

“Dupla Identidade” (Foto: TV Globo)

A curva crescente da audiência de “Dupla Identidade” pode ser um indicador de que o público brasileiro tenha aderido ao regime de exibição semanal, algo comum nos Estados Unidos.

Veja o PNT (painel nacional de audiência). No mês de setembro, a média da série de Glória Perez foi de 13 pontos; depois subiu para 14 em outubro; e a parcial de novembro está com 16 pontos.

“Dupla Identidade” é uma série de ação policial e tem direção de Mauro Mendonça Filho.A produção tem 13 episódios e conta com Bruno Gagliasso, Luana Piovani, Débora Falabella e Marcello Novaes no elenco.

Com informações da coluna Controle Remoto, do jornal O Globo.

(Foto: Divulgação)

(Foto: Divulgação)

Voltou a esquentar o embate entre Jorge Kajuru e Luciana Gimenez. Desde 2005, a apresentadora da RedeTV! está movendo um processo contra o jornalista. O assunto voltou à tona recentemente, quando o advogado de Gimenez, Sylvio Guera, afirmou que Kajuru ainda não realizou o pagamento da condenação no valor de R$ 100 mil.

Sem papas na língua, Kajuru se pronunciou sobre o assunto por meio de sua conta no Twitter na noite desta última quinta-feira (27), e ameaçou “contar tudo” o que sabe, provavelmente sobre a apresentadora. “Se quer me irritar cobrando R$ 100 mil e me prender, aí eu publico tudo o que sei. Os bafões de estarrecer! Imagine se eu contar o barraco do camarim sendo quebrado pelo… E lá dentro os gêmeos. E os tapas na cara…”, disse o jornalista. “Só falta essa! Jornalista preso por dizer que Luciana Gimenez não é inteligente. Sarney e tropa livres”, completou.

Kajuru ainda afirmou que “infelizmente” não possui tanto dinheiro como o cantor Mick Jagger, com quem Gimenez tem um filho, e nem como o atual marido dela, o sócio e apresentador da RedeTV!, Marcelo de Carvalho, sugerindo ainda que este último, teria participado de uma “falcatrua”. “Infelizmente Lu, não tenha a grana do Mick Jagger (não canto) e nem do Marcelo Carvalho (nunca participei de falcatrua)”, afirmou.

Em 2005, o jornalista causou polêmica ao criticar Luciana Gimenez, sugerindo que a apresentadora seria “burra”. “Xuxa é menos burra que Luciana Gimenez”, disse ele na época. Gimenez acabou movendo um processo conta Kajuru e venceu na justiça cível. O jornalista foi condenado a pagar o valor de R$ 100 mil.

Vale lembrar que a vida de Kajuru tem um longo histórico de polêmicas. Além de desavenças com alguns famosos, como Milton Neves e Bóris Casoy, o jornalista, em um levantamento realizado em 2004, respondia por mais de 100 processos, e somente em São Paulo, mais de 30 ações criminais.

(Foto: Divulgação)

(Foto: Divulgação)

Uma boa notícia para os amantes do futebol e também para quem torce pela recuperação do Rei do futebol: Edson Arantes do Nascimento, o Pelé, apresentou melhora na sua condição clínica. No entanto, ele ainda segue internado na Unidade de Terapia Intensiva do Hospital Albert Einstein, em São Paulo.

Em nota divulgada à imprensa, o hospital informa que o ex-jogador de futebol está temporariamente em tratamento de suporte renal, sem a necessidade de outras terapias de suporte. Segundo consta, esta ação servirá para que ele possa ser melhor monitorado.

Pelé foi internado na última segunda-feira (24), em São Paulo, em virtude de uma infecção renal.

Felipe Andreoli não terá seu contrato renovado com a Band (Foto divulgação: “CQC”)

A Band resolveu mesmo fazer uma limpa no elenco do “CQC”, após as já confirmadas saídas de Dani Calabresa, Marcelo Tas, Oscar Filho, dentre outros. O demitido da vez é Felipe Andreoli, também repórter da atração.

Felipe havia feito uma proposta para a emissora de um programa esportivo diário em um dos canais do grupo, no entanto a Band entendeu que a proposta não é compatível com as necessidades do “CQC” que passará por uma profunda reformulação ano que vem, sendo necessário 100% da dedicação de todos os envolvidos. O fato é que o contrato de Andreoli vence em dezembro e a sinalização é que não será renovado.

Segundo informa o jornalista Daniel Castro, do atual elenco, permanecerão apenas Marco Luque, Maurício Meirelles e Lucas Salles. Naty Graciano, que entrou neste ano, tem contrato até o final de 2015, mas ainda não foi confirmada na próxima temporada. A ideia da Band era permanecer com Andreoli no elenco da atração, no entanto Felipe sempre deixou claro que queria seguir outro caminho.

O repórter estava no programa desde 2008, ano marcado pela estreia do “CQC”. Na Band, ele comandou o programa “Deu Olé” aos sábados, porém a atração acabou por sair do ar.

Para 2015, a bancada da atração já tem como nomes confirmados Rafinha Bastos e Dan Stuback, Rafael Cortez voltará para a atração como repórter.

(Foto: Divulgação/GShow)

(Foto: Divulgação/GShow)

Quem acompanhou o capítulo desta última quinta-feira (27) de “Alto Astral”, assistiu a cena do casamento entre Laura (Nathalia Dill) e Marcos (Thiago Lacerda). A união acabou não se concretizando, mas uma coisa que chamou a atenção de muita gente, foi o vestido de noiva usado por Nathalia Dill na cena, que recebeu bastante elogios.

De fato pôde-se perceber o capricho da Globo na escolha da peça, que de acordo com o colunista Léo Dias, foi avaliado em R$ 17 mil. O modelo foi criado pela estilista Mariana Kuenerz.

Voltando agora à vida real, as especulações em torno de um possível romance entre Nathalia Dill e Sérgio Guizé, que formam par romântico na novela das sete, começam a ganhar força. Recentemente, a atriz foi vista participando de um ensaio da banda de Guizé. Ela nega o romance.

(Foto: Divulgação)

(Foto: Divulgação)

O clima está “pesado” nos bastidores da RedeTV! e principalmente no do “Muito Show”, antigo “Morning Show”. De acordo com o site do jornalista Daniel Castro, tudo começou quando Íris Stefanelli entrou na bancada do programa e acabou gerando uma briga com o apresentador Zé Luiz. Acontece que Íris, segundo consta, é antiga parceira de anunciantes da atração, e acabou pegando grande parte das ações de merchandising que eram feitas pelo apresentador.

No programa, os apresentadores ganham pelas ações de merchandising, dinheiro que faz praticamente dobrar o seu salário. A perda das ações na atração, acabou revoltando Zé Luiz, que teria discutido com Íris. O apresentador chegou a procurar a direção do programa, e impôs que pelo menos sejam divididas as ações, já que ele também é âncora da atração. O clima estaria tão pesado, que o apresentador não estaria nem olhando na cara da ex-BBB, mesmo durante o programa.

Ganhou status

Após a sondagem da Record, que tinha interesse na contratação de Íris para o “Domingo Show”, a loira acabou sendo valorizada na RedeTV!. Para segurá-la, a emissora de Osasco irá colocá-la na apresentação de um novo programa feminino, que estreia em 2015. Até lá, a ex-BBB não quer ficar na “geladeira” da emissora, e também teria se recusado a voltar para equipe de reportagem do “TV Fama”. Com isso, o canal acabou encaixando a loira na apresentação do “Muito Show”.

(Foto: Divulgação)

(Foto: Divulgação)

A Record agora tem uma nova preocupação: O inchaço nas produções de suas atrações. De acordo com o colunista Flávio Ricco, um diretor da emissora constatou em conversa com representantes de outras emissoras, que o número de profissionais que o canal da Barra Funda possuí, chega a ser descontrolado, e que as outras emissoras trabalham com cerca da metade do número.

Um exemplo disso é o “Hoje Em Dia”. A atração matutina tem cerca de 100 profissionais envolvidos na produção. O “Encontro” da Globo, é produzido com menos da metade disso, e é líder de audiência no horário, enquanto que o programa da Record enfrenta a pior crise da sua história.

A emissora agora tenta descobrir como acabou chegando a um número tão grande de funcionários em cada programa. Vale lembrar que para 2015, a Record já estuda terceirizar grande parte das suas produções, o que pode resultar na demissão de um grande número de funcionários.

Nem sempre a mudança de uma emissora para outra é uma boa ideia! Confira alguns casos

Nem sempre a mudança de uma emissora para outra é uma boa ideia! Confira alguns casos

O TV FOCO deixa claro que antes de mais nada, o objetivo desta matéria não é dizer que tal fulano ou tal pessoa é fracassada, mas sim apontar por quais motivos alguns profissionais muito conhecidos do nosso meio acabaram se prejudicando de alguma forma ao fazer a troca de uma emissora por outra. São os mais diversos aspectos levados em conta: a queda na audiência, visibilidade e até mesmo a instabilidade.

Confira: 

Adriane Galisteu

A loira é um dos casos mais fortes no que se diz respeito a uma mal sucedida troca de emissora. Em 2004, ela assinou com Silvio Santos para estrelar um programa no SBT por uma salário milionário em torno de R$ 500 mil. Se antes, Galisteu comandava um programa de sucesso no horário nobre da Record batendo inclusive a Globo, a estrela passou a disputar a preferência das donas de casa no período da tarde. E não parou por ai, a instabilidade do programa “Charme” que ela comandava era tanta que mudou de horário pelo menos umas 40 vezes, passando por todas as faixas imagináveis: das madrugadas, ao horário nobre.

E Galisteu acabou mesmo trocando o certo pelo duvidoso. A apresentadora não escondida seu descontentamento com a emissora por mudar tantas vezes de horário, alfinetando até mesmo o patrão Silvio Santos vivo em sua atração. Em certa ocasião, para protestar por mais uma mudança de horário d seu programa, Galisteu apareceu de pijama para apresentar sua atração nas madrugadas

O final dessa história todo mundo já conhece, no final de 2008 o SBT não renovou o contrato da apresentadora que assinou com a Band. Na emissora do Morumbi, ela comandou as mais diversas atrações e formatos, mas nada deu certo, nem nunca chegou perto da audiência e visibilidade que ela teve um dia na Record. Sem contar que hoje, Galisteu está fora do ar na TV aberta.

Rafael Cortez 

Este é um dos casos mais recentes e interessante para analisarmos. O repórter do “CQC” fazia muito sucesso na Band na atração comandada por Marcelo Tas, mas em um belo dia acabou recebendo uma proposta tentadora da Record para se tornar apresentador de um formato de grande sucesso mundial, o “Got Talent”. Até ai, tudo parecia a mil maravilhas, Rafael aceitou o convite, mas o reality de talentos não emplacou na audiência batendo todos os recordes negativos.

Sem projetos na Record, Rafael passou um tempo na geladeira, até que então tiveram a grande ideia de dar um programa de namoros com um formato bastante desgastado na TV para o apresentador. Não deu outra, Cortez acumulou mais um fracasso em sua carreira e o programa não teve sua segunda temporada renovada.

O final dessa história acompanhamos recentemente, quando Rafael assinou contrato com a Band para retornar ao “CQC” como repórter. O apresentador e agora repórter novamente, voltou para a emissora que o consagrou e espera uma retomada na carreira.

Rafinha Bastos 

Todos nós sabemos que Rafinha se meteu em muita confusão, principalmente após aquela tão repercutida piada com a cantora Wanessa e seu filho. Enfim, essa história já passou, mas deu muito pano para manga e motivou o apresentador do “CQC” , a mudar de emissora.

O canal escolhido foi a RedeTV! que tinha a proposta de um programa humorístico para ocupar a saída do “Pânico” em 2012. O formato? Um sucesso mundial, estamos falando do “Saturday Night Live”, já a audiência um estrondoso fracasso abaixo de 1 ponto de média. E claro, o resultado todos já sabemos, Rafinha ficou sem contrato e foi para a geladeira.

A retomada na carreira do apresentador se deu com a saída de Danilo Gentili da Band, que deixou o seu “Agora é Tarde” para o apresentador comandar. Porém recentemente, foi confirmado ainda a volta de Rafinha para a bancada do “CQC”, onde tudo começou.

Ana Paula Padrão 

Em 2005 não se falava em outra coisa: “Padrão não é mais da Globo”. O SBT passou a divulgar chamadas misteriosas em sua grade de programação, até que então tudo foi revelado: Ana Paula Padrão deixava a Globo e assinava um contrato milionário com Silvio Santos.

Todos nós sabemos, que a própria jornalista queria sair da Globo, onde trabalhava há muitos anos. Padrão queria engravidar e na Globo não via essa chance, já que comandava o “Jornal da Globo” que ocupava praticamente todo o seu dia. Em 2005, Padrão estreava o “SBT Brasil”, o primeiro telejornal do canal nos últimos anos produzido com uma qualidade boa.

A coisa não deu certo, o telejornal mudou algumas vezes de horário e após pouco mais de um ano, Padrão anunciou sua saída da bancada para comandar um programa de reportagens, o “SBT Realidade”. A atração não emplacou, tanto Silvio como a jornalista não chegaram a um novo acordo. Padrão, então assinou em 2009 com a Record, onde ficou até 2013.

Hoje ela comanda o “Masterchef” na Band, algo completamente diferente de tudo que já foi feito em sua carreira. A pergunta que fica é, se Padrão tivesse tido mais paciência, poderia ser hoje a apresentadora do “Encontro” na Globo?

Gugu 

Gugu Liberato ficou por mais de 20 anos no SBT e por lá se contuiu como apresentador, sendo tido como o sucesso de Silvio Santos no SBT. Tudo seria perfeito, se a Record não tivesse aparecido no caminho e oferecido a bufunfa de 3 milhões de reais para o apresentador por mês. Gugu não pensou duas vezes, trocou de emissora e passou a ocupar os domingos da emissora disputando diretamente com o seu ex-patrão.

O apresentador não emplacou, após algumas mudanças de horário, passou a ser derrotado frequentemente por Eliana no SBT, rescindindo seu contrato que iria até 2017 no ano passado. Algo que pegou todos de surpresa.

Em 2015, Gugu volta para a Record com um programa totalmente diferente de tudo que ela já fez. Porém em um novo modelo de contrato, no qual ele divide custos e lucros com o canal dos bispos. Será que foi uma boa troca?

Roberto Justus 

Em meio a uma guerra entre Record e SBT e na passagem de Gugu e Eliana, Roberto Justus acabou sendo roubado no contra-ataque de Silvio Santos. O apresentador que comandava com maestria o reality show “O Aprendiz”, teve uma rápida e pequena participação pelo SBT.

Durante dois anos, Justus comandou os game shows “Um Contra Cem” e “Topa ou Não Topa”, porém sem exito retornou para a Record em 2012, onde comanda até hoje o talk show “Roberto Justus +” no começo das madrugadas da emissora.

Em breve o TV FOCO também vai trazer para vocês, quais foram os apresentadores que mudaram de emissora e se deram muito bem. Nós garantimos a lista é extensa.

 

 

Postado em nov 28 2014 - 8:05am Por TV Foco News
Será que ela vai conseguir o que deseja?

“Ela não poderá ser “meia-vilã” a novela inteira.”

O telespectador que conhece telenovela deve perceber similaridades entre Cora, personagem de Drica Moraes em “Império”, e a perversa Violante Cabral, interpretada pela mesma atriz em “Xica da Silva”, telenovela brasileira de Walcyr Carrasco produzida pela extinta Rede Manchete.

A similaridade é gritante, pois em ambas as novelas Drica interpreta mulheres frígidas e mal amadas. Chegava a ser cômico, em alguns momentos, ver as reações de Xica, a protagonista interpretada por Taís Araújo, contra as armações de Violante, que agia envenenando, meticulosamente, os outros a sua volta da mesma forma que faz Cora. Comicidade explorada também na personagem Cora. Em “Xica”, Violante termina como uma “moça velha” e louca sem nunca ter recebido um beijo de amor de quem esperava, o contratador João Fernandes (Victor Wagner), o que agora ocorre em “Império” com o comendador José Alfredo (Alexandre Nero). Cora é uma virgem de 50 anos. Embora a interpretação de Drica seja impecável, ela merece mais, merece uma vilã por completo. Ela não poderá ser “meia-vilã” a novela inteira.

“Império” é uma boa trama, mas a Globo não pode se iludir e achar que os números astronômicos do passado das audiências das novelas vão voltar, pois os tempos são outros. É desconfortante perceber que personagens como a de Drica têm tudo para ser mais do que são, mas que ainda não foram melhor explorados.

post do leitor

Texto escrito pelo leitor Júlio Rodolfo.

Gloria Pires e Raul Cortez na novela “O Rei do Gado” que voltará a ser exibida na Globo (Foto reprodução)

Gloria Pires e Raul Cortez na novela “O Rei do Gado” que voltará a ser exibida na Globo (Foto reprodução)Com 209 capítulos, “O Rei do Gado” escrita por Benedito Ruy Barbosa fez muito sucesso em sua primeira exibição no horário das 21h na Globo em 1996, três anos mais tarde em 1999, o folhetim de grande sucesso protagonizado por Antônio Fagundes viria a ser reprisado novamente dentro do “Vale a Pena Ver de Novo”.

O folhetim também ganhou uma terceira reprise no canal pago Viva, pertencente a Globo no ano de 2011. Agora já está definido, que a novela que ainda conta no elenco com Gloria Pires, Raul Cortez, Fábio Assunção, Marcelo Antony, dentre outros estará de volta ao “Vale a Pena Ver de novo”.

A data escolhida para reestreia na Globo é 12 de janeiro, substituindo assim a fraca reprise de “Cobras e Lagartos” que derrubou a audiência do horário. A ideia da Globo é reprisar uma novela mais antiga e bater de frente com as reprises do SBT, como a novela “Esmeralda”, que nos últimos tempos passou a incomodar e muito na audiência.

SBT está satisfeito com os resultados do programa de Otávio Mesquita em suas madrugadas (Foto reprodução: “Okay Pessoal”)

Otávio Mesquita que chegou ao começo no começo deste ano no SBT e estreou o “Okay Pessoal” nas madrugadas da emissora de Silvio Santos vem conseguindo obter alta audiência com sua atração.

Quem está feliz com tudo isso, claro, é a alta direção do SBT. Assim como o “The Noite” e “Jornal do SBT” tem feito, a atração de Otávio Mesquita tem ficado por diversas vezes na liderança em audiência com direito a vencer o “Corujão” da Globo.

Ao que parece, o SBT agora quer discutir mais investimentos no que se diz respeito a produção da atração que está no ar desde abril deste ano, quando o apresentador Otávio Mesquita resolveu procurar Silvio Santos no Jassa para pedir uma vaguinha em sua emissora. Parece que foi uma boa, não é mesmo?

Com informações do jornalista Flávio Ricco.

Paolla estará de volta em nova atração na Globo

Paolla Oliveira já atuou em ‘‘Amor à Vida’’. (Foto: Reprodução/Globo)

Assim como Maria Fernanda Cândido, Paolla Oliveira também atuará na nova minissérie global ‘‘Felizes Para Sempre’’, que estreia em janeiro de 2015 na emissora da família Marinho.

Leia também: Maria Fernanda Cândido está de volta à telinha e atuará em minissérie da Globo

Paolla interpretará uma prostituta, que se chama Dany Bond. A atriz surgiu ruiva e com o cabelo curto. Entretanto, o novo visual é postiço, já que a moça vai ter que usar 20 perucas durante a trama.

Veja o visual:

Aprovado? (Foto: TV Globo)

Publicidade